Desafios para Poupar Dinheiro: 9 Dicas Práticas

desafio poupar dinheiro: dicas para criar poupanças

Existem várias formas de poupar dinheiro, desde poupanças mensais, poupar o resto do nosso salário, etc. O objetivo é tornar as poupanças em algo prático, simples e sem grande esforço. Porque se nos custa imenso poupar, muitas vezes isso provoca desistência. Para isso é que existem desafios para poupar dinheiro. Quem não adora desafios? Jogos práticos que permitem ajudar a ter o hábito de poupar. Neste artigo vamos falar de 9 dicas práticas de desafios concretos para poupar dinheiro.

#1 – Guardar todas as moedas

Este aqui é talvez o mais fácil. Ninguém gosta de andar com a carteira cheia de moedas (principalmente as de baixo valor) pois só trazem peso extra à nossa carteira e pouco valor acrescentado. Portanto a ideia é sempre que se paga algo com nota, todas a moedas que sobram coloca-se na carteira e não se utiliza mais. Ao final do dia, ou da semana pegar em todas as moedas e coloca-las no mealheiro ou lata que tenham por casa. Ao final de 3 meses, contem o valor e coloquem no banco. Acreditem que vão ficar surpreendidos pelo valor que irão ter.

Se nunca pagarmos nada com moedas, mas sim com notas, e todas as moedas que sobram irem para o mealheiro isso fará termos maior consciência da quantidade de notas que saiem da nossa carteira e faz-nos tomar decisões mais acertadas sobre a gestão do valor que temos no nosso dia-a-dia. Se por acaso tem o hábito de só usar cartão, nesse caso este desafio talvez não seja o melhor para si, mas visto que temos 9 dicas, decerteza que arranjamos o desafio certo para si.

#2 – Guardar todas as notas de 5€

O príncipio é o mesmo do número #1. Todas as notas de 5€ que estejam na nossa carteira no final de cada semana deverão ir para o mealheiro, dessa forma aumenta exponencialmente o valor poupado por semana. A ideia de este desafio ser mais semanal que diário é porque nem todos os dias conseguimos obter notas de 5€ daí semanalmente ser o mais apropriado para este desafio.

#3 – Desafio 52 semanas

Este desafio já foi falado no passado e é dos desafios mais giros de se tentar alcançar. Só para se ter uma noção, é possível com o desafio 52 semanas poupar +1300€ por ano sem dar conta. Basicamente é aumentar sempre o valor em 1€ da poupança semanal. Pode começar por na semana 1 poupar 1€, semana 2 poupar 2€ e por aí adiante. Há também o desafio 52 semanas invertido, ou seja, começar na semana 1 por 52€ de poupança gerada, semana 2 poupar 51€, etc. Ou ainda o desafio 52 semanas aleatório, ou seja, cada semana dentro dessa tabela escolhia quanto ia poupar de 1€ a 52€ e não voltar a repetir o mesmo número. Em todos estes 3 desafios uma coisa é certa, consegue poupar +1300€ num ano. Para ler em mais pormenor este desafio veja aqui o artigo no blog.

#4 – Desafio semanal

Proponha-se com um valor semanal diário para poupar e coloque todos os dias esse valor no seu mealheiro. Por exemplo, 5€ ao dia. Ao fim de 7 dias terá 35€ poupados. No final do mês conseguiu poupar 140€. Estes valores são meramente exemplos, verifique quanto consegue poupar por dia e experimente fazer este desafio para poupar dinheiro durante 1 mês. 🙂

#5 – Arredondar o valor gasto

Hoje em dia já existem muitas contas bancárias que permitem ter a opção de arrendondar todo o valor das suas transações bancárias para colocar numa conta poupança. O próprio Revolut tem essa possibilidade. Para quem tem muita dificuldade de poupar, esta é a melhor solução. Muitas pessoas esquecem-se de tentar fazer poupanças, ou não são muito ligadas à poupança e a melhor maneira de ter algo automático que o fará esquecer-se que está a fazer poupança diária é esta. No final do mês verifique o valor e surpreenda-se!

#6 – Desafio dos 10%

Este é o desafio que é mais falado nos livros sobre investimentos e melhores práticas. A ideia é que assim que recebe o seu salário retire 10% do mesmo para o colocar à parte. Pode investi-lo, colocá-lo numa conta poupança, gerar um fundo de emergência, mas a ideia é habituar-se a pagar a si próprio primeiro, o que significa que tem que gerir os seus 90% de rendimento para pagar todas as suas contas e fazer a sua gestão de poupanças diárias. Esses 10% em nenhuma circunstância se deve mexer apenas e só quando existir uma emergência e aí deverá utilizar o seu fundo de emergência para isso e não esses 10% de rendimento.

#7 – Desafio 12 meses

Escreva numa folha os desafios de poupança que se dispõe a realizar todos os meses. Todos os meses deverão ser diferentes para tornar o desafio mais interessante. Imagine: Janeiro: não ir a restaurante nenhum; Fevereiro: não ir a nenhum bar, se quiser beber algo comprar no supermercado e beber em casa, etc. São só exemplos que pode escrever por cada um dos meses do ano e aplicá-lo. Eu coloquei não ir a nenhum restaurante em janeiro porque secalhar é o mês mais fácil para aplicar isso. Deverá escolher 3 meses dos 12 do ano para colocar desafios mais desafiadores para si e os restantes colocar essas “regras” nos meses mais fáceis de conseguir realizar. Vai verificar que consegue obter resultados financeiros desta forma.

#8 – Desafio 30 dias

Durante 30 úteis deverá levar almoço de casa sempre que vai trabalhar. Atenção que 30 dias úteis de trabalho significa 6 semanas e não 4. Se normalmente quando vai almoçar fora no seu dia de trabalho gasta 8€, isto representa uma poupança de 240€. Interessante não é? Às vezes em pequenas gestos do dia-a-dia não nos apercebemos do valor financeiro que esses gastos trazem e muito menos o impacto mensal na nossa carteira. É importante colocar 3 ou 4 vezes por ano este desafio em prática para vermos o quanto conseguimos poupar mensalmente.

#9 – Desafio Zero (0€)

Este desafio é provavelmente o mais díficil de se conseguir obter. A ideia é dizer quantos dias consegue sem gastar dinheiro e colocá-lo em prática. Por exemplo: recebeu o seu rendimento, pagou as contas gerais da casa, e foi às compras. Logo após esse momento questione-se: quanto tempo eu consigo estar sem gastar dinheiro? Isto só é possível se utilizar tudo o que tem em casa diariamente. Já imaginou quanto tempo consegue estar sem gastar dinheiro? No início este desafio vai custar bastante a ser feito com sucesso, mas uma vez ganhando a prática também é o desafio que pode trazer mais poupanças. Tente por uma semana e automaticamente vai ganhar consciência da necessidade que tem em realizar gastos todas as semanas.

Depois de poupar, onde investir?

Já falámos de 9 dicas práticas de desafios para poupar dinheiro, e agora? O que fazer a essas poupanças? Antes de investir o seu dinheiro é recomendado que tenha um fundo de emergência, pois a ideia é conseguir em alguma situação de emergência ter um fundo que consiga viver 6 meses sem necessitar de dinheiro extra. Esse fundo é gerado com base em cálculos dos seus gastos mensais.

Depois do fundo de emergência é altura de pensar em diversificar a sua carteira. Pode fazer investimentos de diferentes formas:

  • Ações;
  • REITs;
  • ETFs;
  • Obrigações;
  • Certificados do Tesouro;
  • Ouro;
  • P2P Lending;
  • Crowdlending/Crowdfunding
  • Etc.

A maioria destes tipos de investimento vão sendo abordados no blog, pelo que é interessante de vez em quando acompanhar novos artigos que apareçam. Lembre-se sempre: todos os investimentos trazem riscos e ter consciência desses riscos é tornarmo-nos mais conscientes das nossas decisões e ações. É importante informarmo-nos, lermos algumas reviews e aprendermos o tipo de investimento que estamos a praticar. Qualquer investimento que faça aconselho a diversificar, pois é a melhor forma de diminuir o risco.

Espero que tenha gostado destes desafios para poupar dinheiro! Desejo-lhe excelentes poupanças! $$

Deixa o teu comentário!

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.